Como estudar para o ENEM (Saiba AGORA!)

A pergunta que não quer calar… Como estudar para o ENEM? A procura dessa resposta causa grande rebuliço para muitos candidatos. Mas para te explicar a melhor estratégia, em detalhes, vamos conversar sobre três pontos importantes:

  • Estudar em Cursos Presenciais ou Online?
  • Criar Resumos, Mapas ou Apenas fazer Marcações?
  • Análise de Questões, Resolução ou Simulados?

Como estudar para o ENEM, parte 1…
Estudar em Cursos Presenciais ou Online?

Como estudar para o ENEM? Cursos Online ou Presencial

A escolha do material teórico pode influenciar consideravelmente na facilidade que você terá ou não para assimilar o conteúdo. Em outras palavras, é a forma como o seu professor apresenta o material que vai determinar a maneira como você entende a matéria.

Por isso, preciso te falar sobre quando é mais indicado curso presencial ou online.

Na verdade, eu não gosto muito de cursos presenciais, isso porque eles prejudicam seu planejamento, você perde tempo para se deslocar ao curso e usa tão somente a modalidade passiva de estudo.

Prejudica o seu planejamento, simplesmente porque você dificilmente terá uma organização de estudos em casa que seja plenamente compatível com o seu cursinho presencial. Diversas vezes os cursinhos mudam o cronograma das aulas e isso pode te prejudicar.

Perde tempo para se deslocar ao curso, pois dependendo de onde você mora, chegar e voltar do seu cursinho pode te tomar bastante tempo.

Usa apenas a modalidade passiva de estudo, isso porque no cursinho você tá sentado na cadeira apenas recebendo mais e mais informações. Você não pode parar a aula para fazer um estudo sistematizado do conteúdo, você precisa engolir informações, mesmo que não tenha entendido e interagindo com a matéria.

Além disso, outra coisa ruim do cursinho presencial é que cada um da sua turma tá em um nível completamente diferente, em diversas disciplinas. Para quem está iniciando os estudos, pode achar que tá ficando para trás. E quem já está em um nível avançado, pode também acreditar que escuta uma série de informações que não apenas já entendeu, como lembra e tem facilidade de transmitir para prova. Então tome cuidado com os cursos presenciais, pois em raras exceções, eles podem te atrapalhar a usar a melhor tática sobre como estudar para o ENEM.

Por isso, recomendo que estude em cursos online para que tenha o seu próprio cronograma, de acordo com seu perfil, suas características e suas principais dificuldades. O curso online pode ser assistido de onde, quando e como você quiser. Caso não tenha entendido uma parte do conteúdo, é só voltar e assistir novamente a vídeo aula. Simples assim! Sem falar que você não precisa se deslocar e nem enfrenta as distrações da sala de aula, que muitas vezes prejudica o seu desempenho.

Como estudar para o ENEM, parte 2…
Criar Resumos, Mapas ou Apenas fazer Marcações?

Como estudar para o ENEM? Mapas Mentais

Hoje estamos na época que as canetas coloridas estão fazendo muito sucesso. E vejo diversos candidatos marcando o seu material de leitura, acreditando que essa é a melhor estratégia.

Mas pare “pra” pensar… será que é melhor marcar informações aleatórias ou criar resumos e esquemas com aquilo que é mais importante do conteúdo?

Eu sou adepto a criação de resumos que sejam esquematizados em mapas mentais. Nada de ficar marcando tudo que vê pela frente em livro ou mesmo, nada de ficar criando resumos enormes e mal organizados. O que eu quero mesmo é que você saiba como estudar para o ENEM e tire uma nota excelente na próxima prova.

Para nos aprofundar nesse assunto, preciso destacar que dois são os aspectos que vão determinar o seu sucesso na hora de construir um material de revisão do conteúdo estudado.

  • o que você insere no seu material de revisão
  • como você organiza as informações

O que você insere porque sem critérios inteligentes para definir o que deve ou não ser inserido no seu resumo esquematizado do assunto que estudo… você acaba inserindo tudo que vê pela frente.

Então, é necessário fazer anotações? Sim! Isso vai te ajudar nas revisões…

Mas faça anotações no seu resumo esquematizado apenas daquilo que é mais importante do conteúdo. Na dúvida, é só observar 10 a 20 questões sobre o assunto, que você já vai perceber quais são as informações mais valiosas e precisam ser revisadas no seu resumo esquematizado.

Como você organiza as informações é o segundo aspecto importante, simplesmente porque não adianta nada você ter no seu resumo esquematizado um monte de informações importantes e que são trabalhadas em prova, mas que estão totalmente desorganizadas.

É como você ter um dicionário a sua disposição, mas que não estão em ordem alfabética. Já imaginou? Tenso, não é?

Então crie esquemas em seu resumo, centralizando sobre o que se trata o esquema e puxando setas para as informações importantes do conteúdo relacionado.

Como estudar para o ENEM, parte 3…
Análise de Questões, Resolução ou Simulados?

Como estudar para o ENEM? Questões e Simulados

Eu quero que você seja um candidato diferenciado… Longe daquelas pessoas que chegam até a perder o horário da prova… rsrs

Brincadeiras a parte, você precisa entender nesse momento, quando analisar as questões, resolver e usar simulados.

Os exercícios tem múltiplas funções em sua preparação, são elas:

  • complementar o material teórico
  • praticar o conteúdo estudado
  • controlar o tempo de prova

Complementar o material teórico porque quando você começa a estudar o conteúdo em cursos, livros ou apostilas, você cria um resumo, mas que nem sempre tem tudo que é mais importante. É só você observar que muitas vezes entendia o que o professor falava, mas encontra informações em questões que nunca havia escutado na aula, concorda…

Então anota isso aí: o seu material de revisão, ou seja, seu resumo esquematizado, deve ter aquilo que é mais importante não apenas do material teórico, como também das questões que você analiso como forma de complementar o seu estudo.

Praticar o conteúdo estudado porque depois que você chega a etapa intermediária da sua preparação, onde apenas alterna revisões e exercícios, você não precisa mais analisar a questão para complementar o seu material de revisão… O que você precisa é treinar a forma como responde questões, principalmente para evitar os erros causados por falta de atenção e incapacidade de interpretação. Esses erros acontecem mesmo quando você entende e lembra da matéria, não é? 😀

Controlar o tempo de prova porque ao realizar simulados, na etapa avançada da preparação, você não deve se preocupar apenas em saber se tá bem ou não em um conteúdo. Até porque os assuntos são todos misturados no simulado, melhor fazer isso na resolução de questões organizadas por tópicos da matéria. O principal objetivo do simulado é te ajudar a controlar o tempo de prova. Treine, treine e treine…. Afinal, controlar o tempo de prova não é uma tarefa fácil.

Gostou do post e quer sugerir um tema para o próximo post sobre como estudar para o ENEM?

Entre em contato, clique aqui ou deixe sua sugestão nos comentários.

Um abraço e bons estudos!
Marcos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *